domingo, 29 de janeiro de 2012

O Triunfo da Não Vontade

Palavras que nada expressam
Gestos mudos que cegam o olhar
A proximidade cada vez mais distante
O movimento inerte que faz a ausência presenciar
Um desencanto de tudo que o nada traz
Um desconforto confortante de não confrontar
Que conquista a vontade de não mais querer e de para sempre calar

4 comentários:

Jorge Leandro disse...

Belo texto, aliás, belo blog. Certa vez escrevi: "Até anteontem aquelas cinzas eram palavras. É quase cansaço." Interessante como, quando há verdade, a poesia se encontra sem se repetir.

wanessa queiroz disse...

às vezes sinto vontade de calar os meus pensamentos e não mais escrever, mas vejo que nunca daria certo assim e a vida não passa de estado de espírito. belo texto.

NDORETTO disse...

Nossa,
Muito guardado !!!!
rsrsr
beijo

Mulher Vã disse...

"Um desconforto confortante de não confrontar"

A gente vive sentindo isso!

Licença Creative Commons
Blog de Larissa Bello é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.